Segunda-feira, 8 de Outubro de 2007

Encontrar-me.

Estou do lado de fora

Longe de tudo

Não desiludido

Mas sim comovido...

Não sei se é felicidade...

Não sei se será medo

Sinto-me diferente

 

Foi isto que escolhi

Nao me arrependo...

Jamais...

Mas será que tenho força

Para continuar esta procura?

Não sinto nada… nada!

Eu quero encontrar-me!

 

Neste momento nao sou nada...

Não me sinto nada... nada

Não sou ninguem

Não sou sequer uma coisa

Não passo de um ser semi-morto

Um corpo que procura vida!

Um corpo cheio de pura esperança

 

Sei porque algumas vezes sofro

Sei porque ainda nao me sinto todos os dias bem...

Algo me diz que faz parte

Algo me faz acreditar

Não vou desistir agora!

Eu preciso...

Eu tenho de me encontrar!

Estou á procuraa de mim próprio

Não conheço o futuro

Tenho esperança...

A única coisa que me faz viver...

É acreditar que mudei porque eu queria...

E porque simplesmente

Tenho uma porta aberta

E acredito

Que um dia me vou encontrar!

publicado por Borges às 20:14
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De SaNdRiT@ a 8 de Outubro de 2007 às 21:01
Es alguem e nao podes perder a força que há em ti, e a força que acredita em ti... tu es importante... e muito para muita gente....
isso tens que ter sempre no pensamento**
beijinhus
De Ritynhaa a 13 de Outubro de 2007 às 12:25
Olá Gonçalo!

« A única coisa que me faz viver...
É acreditar que mudei porque eu queria...
E porque simplesmente
Tenho uma porta aberta
E acredito
Que um dia me vou encontrar! »

Acredita que é dificil, que custa, que vais pensar em desisitir...mas cada problema que enfrentas, faz-te conhecer e aprender um pouco mais sobre ti. Vale a pena arriscar...sempre!
E, mesmo quando pensas que não és nada...ÉS. És tu, aquela pessoa importante para muitas outras pessoas.

Beijinho*

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novos blog´s. Obrigado.

. Terça-Feira, 8 de Abril d...

. Cessou!

. Não lhe consigo colocar t...

. Como chuva numa triste no...

. Porque não consigo dizer ...

. Se pedir paciência, será ...

. Adeus!

. Dizer-te

. Respostas

. Ondas da minha própria do...

. Simplesmente desapareceu ...

. Monstro anormal.

. Encontrar-me.

. Eu não me preocupo

. Odeia todos os os dias da...

. Uma pura inocência mortal...

. O Agradecimento

. A minha vida

. Amiga

. Toma a minha mão! (Estou ...

. Porta de saida

. A minha dor

. Eu não estou bem!

. Alucinogénico

. Abre os teus olhos

. Cinco minutos

. Anjo impossível

. Partir? mudar?... Uma cer...

.arquivos

. Dezembro 2010

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

.tags

. todas as tags

.subscrever feeds